Projetos para a web

Publicado por

Durante 15 anos fui diretora de projetos de empresas de conteúdo web. Nesse tempo, criamos o primeiro site de museu brasileiro – o do Museu da República, em 1996 – e desenvolvemos multimídias, CD-ROMs, sites e intranets para clientes como Academia Brasileira de Ciências, IBGE e Editora José Olympio. O site para crianças Mingau Digital – primeiro no país a disponibilizar todo o seu conteúdo sob licença Creative Commons – acompanhou famílias brasileiras por 13 anos e encerrou suas atividades com 4 milhões de pageviews mensais. Quando voltei a trabalhar com museus, usei essa experiência em projetos como o app São Cristóvão Cultural e o website para o Museu Histórico da Cidade do Rio de Janeiro, mostrados abaixo. Hoje, sou professora do MBA em Gestão de Museus da Universidade Cândido Mendes, na cadeira Estratégia para Mídias Sociais, e coordeno, no Brasil, a campanha global #MuseumWeek.

App “Casa da Marquesa – São Cristóvão Cultural

O museu-casa que leva o nome da amante do imperador D. Pedro I havia sido fechado por decisão da Secretaria de Cultura do Estado do Rio de Janeiro, que sonhava transformar o imóvel em um Museu da Moda. Como o prédio tinha sido fechado indefinidamente, propus à SEC um projeto para que tanto a casa quanto seu acervo fossem devolvidos ao público por meio digital: um aplicativo que apresentasse as coleções e a história da Casa da Marquesa de Santos e do bairro de São Cristóvão, no Rio de Janeiro.

Conteúdo:

  • 100 itens do acervo, entre vestuário, leques, carnês de baile, iconografia etc.;
  • Imagens do interior do palacete neoclássico, ricamente decorado com estuques, escaiola e pintura mural;
  • Timeline com a história da Casa;
  • Timeline com a história do bairro;
  • Um roteiro de lazer e cultura em São Cristóvão;
  • Informações sobre os personagens relacionados à casa ao longo do tempo, tais como o Barão de Mauá e o Visconde de Sapucaí;
  • Um quiz;
  • Uma atividade interativa em que seu selfie passa a “fazer parte da História.”

Desenvolvido pela 32Bits, o app teve o patrocínio da Prefeitura do Rio de Janeiro e foi disponibilizado pela Apple e na Google Store.

Website do Museu Histórico da Cidade do Rio de Janeiro

O Museu Histórico da Cidade do Rio de Janeiro era mais um museu fechado para restauração. Propus à Gerência de Museus da Prefeitura um projeto que reaproximasse o museu de sua cidade, mostrando parte de seu acervo, ao mesmo tempo em que contava, por meio dele, a história da cidade. Fui responsável pela estrutura e pelo conteúdo do site, que foi disponibilizado na internet oito meses depois, graças ao trabalho de equipe dos técnicos do museu (pesquisa e curadoria), da 32Bits (webdesign) e de Gabriela Weeks (produção).

Outros trabalhos

Veja aqui alguns dos vrios trabalhos que desenvolvo para a internet desde 1996.