Retrospectiva 2016

O ano de 2016 foi de muito trabalho: seis dias por semana de janeiro a dezembro, muitas madrugadas, longas horas de pesquisa, de estudo e reuniões. Não teve feriados nem horário comercial. Foi intenso, mas recompensador, e por isso 2016 merece agradecimentos. Agradeço a todos os clientes, parceiros e colaboradores, no Brasil e no exterior; a todos os seguidores das redes sociais, eles próprios me ensinando tanto; a todos os alunos, sempre interessados e empolgados; a todos aqueles que me recomendaram e elogiaram; e a todos aqueles que me brindaram com críticas construtivas. Mesmo àquelas pessoas pequenas com que todos nós trombamos no decorrer da vida (não pequenas de estatura, mas de caráter), mesmo a essas é preciso agradecer, pois elas nos ensinam a tomar mais cuidado na seleção de nossas relações futuras.

Abaixo vai um resumo dos trabalhos entregues em 2016. Deixei de fora os projetos em andamento, de criação de Planos Museológicos, análises de benchmarking para museus, projetos digitais, de curadoria e de eventos no Brasil e em outros países, que avançam por 2017 afora.

Representação em Conselhos:

  • Posse no Conselho Estadual de Política Cultural, Rio de Janeiro
  • Reeleita para a diretoria do Comitê Internacional do ICOM para o Desenvolvimento de Coleções (COMCOL)

Projetos e atividades realizados:

1o de abril – Organização de encontro do Grupo de Discussão do COMCOL (grupo de membros do Comitê do ICOM para o Desenvolvimento de Coleções e convidados) na Casa de Rui Barbosa. O encontro teve como convidado especial Gabriel Moore Bevilaqua, vice-presidente do CIDOC (Comitê do ICOM para Documentação), e a proposta era conversar sobre pontos em comum e possibilidades de colaboração entre os dois comitês. Estiveram presentes especialistas de instituições do Rio e de São Paulo.

14 de abril – Palestra Mídia digital & Cultura – o uso das ferramentas digitais em museus, bibliotecas e arquivos no Brasil e no mundo, que integrou as atividades do VIVA O TALENTO! 2015, programa de seleção pública para ativação e ocupação de equipamentos culturais municipais, da Secretaria Municipal de Cultura/ Prefeitura do Rio de Janeiro.

27 de abril – Penúltima edição da série brasileira do Museums Showoff: Rio, com o Coletivo Camará, Museu de Arte Moderna (MAM-Rio), Instituto do Trabalho e Sociedade (IETS), Museu das Coisas Banais e outros mais.

17 de maio – Palestra de abertura no 3º Seminário de Políticas de Acervos: Paisagem culturais na constelação de acervos, organizado pelo Museu Victor Meirelles / IBRAM, representando o COMCOL. O evento em Florianópolis (SC) contou com cerca de 90 pessoas, entre diretores de museus e especialistas de instituições do IBRAM, Secretaria Municipal de Cultura, instituições de patrimônio e meio ambiente.

Junho 2016 (a partir de) – Consultora do CCBWIKI – Grupo Wikimedia Brasileiro de Educação e Pesquisa para projetos de museus e patrimônio, desenvolvendo uma série de projetos com instituições museais em open access.

Julho – Depoimento sobre os museus do circuito Região Portuária do Rio para o Polissonorum, app da mobCONTENT para smartphone que agrupa mais de 100 depoimentos em áudio sobre a história, cultura e costumes da cidade do Rio de Janeiro, dispostos em um mapa e organizados em roteiros temáticos.
Download no iOS: https://itunes.apple.com/br/app/polissonorum/id730947854?mt=8
Download no Android: https://play.google.com/store/apps/details?id=br.com.fourmix.polissonorum&hl=pt_BR

4 de julho – Palestra na Conferência Anual do COMCOL em Milão, Italia, sobre um projeto de colaboração que está sendo desenvolvido no Brasil pelo COMCOL (museólogas Claudia Porto e Juliana Monteiro) em parceria com Grupo Brasileiro Wikimedia de Educação e Pesquisa.

Janeiro a Julho – Criação do projeto e coordenação de conteúdo do site do Museu Histórico da Cidade do Rio de Janeiro (MHC), oficialmente lançado em julho de 2016 no endereço www.museuhistoricodacidade.com.br. O site apresenta um catálogo com obras do acervo do Museu (desenhos arquitetônicos, artefatos, pinturas, gravuras, esculturas e fotografias, incluindo artistas como Debret, Marc Ferrez e Augusto Malta), traz a história do Museu, inclusive os trabalhos que se realizaram longe do olhar do público durante os anos em que o MHC esteve fechado, o primeiro Estatuto do Museu, datado de 1944, e uma visão do novo Plano Museológico. Traz também informações sobre o parque e uma linha do tempo construída a partir do acervo do museu.

20 de setembro – Organização do Painel COMCOL Copyright, Copyleft e as Coleções de Museus, em parceria com o Instituto Dannemann Siemsen e o Instituto de Tecnologia e Sociedade (ITS) no Rio de Janeiro. O evento registrou um público de 96 pessoas, entre diretores de museus, representantes da Secretaria Municipal de Cultura e do IBRAM, curadores, museólogos, produtores culturais e artistas.

25 de outubro – Mediação do painel “Acervos Pessoais que foram Institucionalizados” no Encontro Internacional: Memória e gestão de Acervos:  Arte, Arquitetura e Design, organizado pelo Itaú Cultural em São Paulo. O público incluiu artistas e representantes de instituições GLAM (galerias, bibliotecas, arquivos e museus), pesquisadores e gestores culturais.

Janeiro a novembro – Desenvolvimento de projetos como Consultora Associada do Intermuseus

Julho a novembro – Consultora Associada e produtora do British Council para os eventos: International Museum Academy, um curso realizado no Museu de Arte do Rio com especialistas do National Portrait Gallery, Tyne and Wear Archives and Museum e Science Museum; e Conferência Internacional Transform “Museus para quê?“, que reuniu um público aproximado de 350 pessoas no Museu do Amanhã, Rio de Janeiro, com palestrantes da Tate, Museums Galleries Scotland, Science Museum (Reino Unido), Parque Explora (Colombia), Fondazione Brescia Musei (Itália) e vários outros.

10 de dezembro – Palestra na mesa redonda “Museus de imigração: compromissos com o contemporâneo e processos” no encerramento do curso São Paulo de todos os Imigrantes, uma parceria entre o Museu da Imigração, a Escola do Parlamento e a Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania de São Paulo.

16 de dezembro – Último evento da série brasileira do Museums Showoff: Rio, com o Museu do Samba, Museu do Folclore, Museu Paulista, Museu do Pontal e outros.

Anúncios